fbpx

A depressão atinge atualmente 11,2 milhões de brasileiros com mais de 18 anos – o que corresponde a 7,6% da população -, segundo o IBGE. Mesmo se tratando de duas condições diferentes, em muitos casos a obesidade e a depressão podem estar relacionadas. Estima-se que cerca de 30% das pessoas que procuram tratamento para perda de peso apresentam depressão.

Por outro lado, pessoas com depressão têm um risco 58% maior de desenvolver obesidade. A obesidade exige um acompanhamento multidisciplinar, que inclui médico, nutricionista, educador físico e psicólogo para o sucesso do tratamento. Muitas vezes distúrbios emocionais podem estar relacionados e desencadear um quadro depressivo. Precisamos de um olhar integrativo quando o assunto é obesidade e depressão.

Abrir chat
Precisa de ajuda?
Olá!
Podemos ajudá-lo.